Desejo e reparação - O processo criativo na obra de Melanie Klein (realizado em 04/09)

O filme “Desejo e Reparação” do diretor Joe Wright será o meio expediente para discutirmos o estatuto da reparação e da criatividade na obra de Melanie Klein. Thanatos se manifestando como um impulso de destrutividade no sujeito neurótico o leva a um movimento constante entre a culpa e a reparação. Como a agressividade e destrutividade está presente durante toda a vida, Klein postulou que esse movimento ocorre por toda a existência de qualquer sujeito.

Leia mais
Sobre o sentimento de solidão (realizado em 29/08)


O ponto de partida da psicanálise é sempre a clínica. Observa-se com facilidade como a angustia da solidão está presente no discurso dos pacientes. A partir de então, surgiu o desejo de entender melhor como os grandes teóricos da psicanálise versam sobre o sentimento de sentir-se retirado do mundo ainda que na companhia de outros. A intenção seria levantar pensamentos sobre a solidão interna do indivíduo aquela que, de acordo com Melanie Klein, constitui a todos.

Leia mais
Onde foi que eu errei? Pais perdidos e filhos desgovernados (realizado em 15/08)

As relações entre pais e filhos nunca foram tão discutidas quanto hoje – pedagogia, psicologia, medicina e psicanálise são algumas das áreas de conhecimento que versam sobre o tema. Mas por que tantos pais se perguntam “onde foi que errei?”. Os pais nunca tiveram tanta informação sobre “bebês”, “crianças” e “adolescentes”, mas parecem se afogar no meio de tantas informações, as vezes contraditórias.

Leia mais
As origens inconscientes no romantismo alemão (realizado em 20/07)

O movimento romântico alemão foi uma reação ao racionalismo do iluminismo. Foi nesse cenário que autores como Hamman, Shillher, Schelling, Goethe na Alemanha, William Blake na Inglaterra e Rousseau na França, por exemplo, criaram uma alternativa à lógica de Descarte, Voltaire, entre outros. Novas e velhas ideias como Deus e a Natureza se fundem em um movimento que vai influenciar gerações posteriores, ainda que de forma imperceptível.

Leia mais
História da Histeria de Hipócrates à Freud (realizado em 05/07)

Em nosso primeiro seminário de web, discutimos alguns pontos da história da psicanálise, que se misturam com a história da histeria. Foi através das histéricas, herdeiras de Salpêtière que nasceu o método psicanalítico, a teoria da interpretação dos sonhos, da sexualidade infantil entre outros. Nesse Webnário visamos estabelecer quais foram as teorias herdadas por Freud afim de se estabelecer melhor suas contribuições para a psicanálise.

Leia mais
Curso Breve: Estudos sobre histeria (realiz. em 10/05)
“Estudos sobre Histeria” marca o início das primeiras sistematizações da técnica psicanalítica. É nele que podemos acompanhar a evolução do método catártico para o de livre associação, bem como a fundamentação de muitos conceitos posteriores como processo primário e secundário. Nesse trabalho Freud também já esboça sua teoria mais controversa: a origem sexual dos sintomas histéricos.
Leia mais
Curso Breve: Os Três Ensaios da Sexualidade (realiz. em 18/10)
Freud sempre desconfiou do papel da sexualidade infantil como causa das neuroses, sendo a “teoria da sedução” sua primeira tese sobre o assunto. Sendo essa teoria um equívoco, Freud precisou desenvolver uma nova teoria sobre o papel da sexualidade na infância, sendo “Os três ensaios da sexualidade” o resultado dessa nova tese. Nesse encontro acompanhamos o desenrolar desses movimentos, da teoria da sedução à teoria da fantasia, passando pela sexualidade infantil. 
Leia mais
Curso Breve: A Interpretação dos Sonhos (realiz. em 23/08)
Para muitos a “Interpretação dos sonhos” marca o início da psicanálise, pois é nela que Freud sistematiza sua visão do Inconsciente, bem como estabelece uma correlação entre o sonho e o sintoma. Nesse ano em nossos cursos breves na Livraria Martins Fontes Paulista, nos dedicaremos ao estudo sistemático da obra freudiana.
Leia mais