Loverboy - crítica de cinema

Por Sandra Valeriote 1

Emily, filha única, na infância convive em um ambiente onde percebe os pais vivendo em um mundo da fantasia. Ela convive harmoniosamente com os pais, porém não participa do mundo deles e nem faz cobranças para que eles venham participar do seu. Passa a venerar uma mulher adulta, que lhe transmite a existência de um mundo real. Porém essa desaparece causando nela uma intensa sensação de abandono.

Leia mais
Amor em tempos de cólera

Por Denise Deschamps 1

Refletir sobre os laços amorosos na contemporaneidade é algo pra lá de complexo. Sabemos o quanto às relações sociais vêm sofrendo em termos de mudança até mesmo de paradigmas. As inovações trazidas para os laços entre o masculino e feminino marcam, de certa maneira, o sentimento de solidão do qual muitos sujeitos se queixam.

Leia mais
Melanie Klein - Vida e obra

Por Alê Esclapes ¹

Melanie Klein foi uma das maiores psicanalistas da história. Seguidora de Freud, com genialidade e amor à verdade erigiu uma escola com pensamentos próprios e distintos. Como disse uma amiga, quando Klein em 1935 insistia que era uma freudiana: "agora já é tarde - você é uma Kleiniana". 

Leia mais
Os demônios do Demônio

Por Eduardo Hughes Galeano1

Muçulmanos, judeus, mulheres, homossexuais, índios, negros, estrangeiros e pobres: em ensaio de 2005, escritor discorre sobre as diferentes faces do Demônio, descritas pela antítese de cada um desses ‘anjos do mal’.

Leia mais
Considerações sobre novos desejos

Por Contardo Calligaris1

Um jovem não sabe o que ele está a fim de fazer da vida, e os pais pedem que eu descubra qual é o desejo do filho, de modo que ele possa escolher o vestibular e a profissão que ele "realmente" gostaria. Na mesma semana, encontro um adulto que acha que, de fato, nunca fez nada por desejo. Embora bem-sucedido, queixa-se de que suas escolhas (profissionais e amorosas) sempre teriam sido circunstanciais, efeitos de oportunidades encontradas ao longo do caminho.

Leia mais
Sonhos, sintomas e o inconsciente

Por Janete Vilella1

Quando escreveu a Interpretação de Sonhos, Freud havia chegado a muitas conclusões, entre elas a constituição do aparelho psíquico. A Primeira Tópica do aparelho psíquico vai dar respaldo a toda sua teoria sobre os sonhos. A concepção deconsciente e inconsciente empresta lógica a todo trabalho da elaboração onírica.

Leia mais
Intervenção na comissão de leis sobre o casamento para todos Assembleia Nacional França

Por Elisabeth Roudinesco1

Assembleia Nacional, [Paris] 15 de novembro de 2012.
Excelentíssimo Sr. presidente da Comissão de leis, Sr. Relator, senhoras e senhores parlamentares, gostaria de agradecer a honra que me outorgaram me convidando para esta sessão sobre um tema ao qual já dediquei muitos estudos enquanto historiadora sobre a família, sexualidade, psicanálise e psiquiatria.

Leia mais
A angústia, o desejo e a psicopatologia

Por Sérgio Rossoni1 

Conforme definição, entendemos o conceito de phantasia como a imaginação elaborativa das funções corporais. “Roteiro imaginário em que o sujeito está presente e que representa, de modo mais ou menos deformado pelos processos defensivos, a realização de um desejo, em última análise, de um desejo inconsciente”. (Laplanche e Pontalis – pg. 169 – Vocabulário de Psicanálise).

Leia mais