As origens inconscientes no romantismo alemão (realizado em 20/07)

by Administrador

O movimento romântico alemão foi uma reação ao racionalismo do iluminismo. Foi nesse cenário que autores como Hamman, Shillher, Schelling, Goethe na Alemanha, William Blake na Inglaterra e Rousseau na França, por exemplo, criaram uma alternativa à lógica de Descarte, Voltaire, entre outros. Novas e velhas ideias como Deus e a Natureza se fundem em um movimento que vai influenciar gerações posteriores, ainda que de forma imperceptível.

Neste seminário de web tivemos como objetivo traçar a trama de uma série de conceitos românticos que mais tarde se fundiram no que hoje os psicanalistas chamam de Inconsciente. Esse e os dois seminários que o precederam buscam traçar as raízes históricas de alguns dos principais conceitos dos quais a psicanálise nasceu: a histeria, a tragédia e o inconsciente.

Data/horários:
 20/07/2017 - quinta-feira das 21hs. às 22:30hs.

Evento gratuito, aberto ao público em geral e realizado através de videoconferência*.

Docente: Alê Esclapes - Psicanalista, professor, escritor e diretor da Escola Paulista de Psicanálise-EPP e do Instituto Melanie Klein-IMK. Autor do Livro: A pobreza do Analista e outros trabalhos 1997-2015 e também Organizador da Coleção Transformações & Invariâncias. 

*não emitimos certificados para eventos on-line.

**Ao fazer sua inscrição, automaticamente você será cadastrado em nossa newsletter.